Jewella

“Você não vai melhorar se não estiver desconfortável” disse o instrutor de ioga. Jaybee suspirou enquanto mudava para a posição do guerreiro. Ela focou em sua respiração e tentou não pensar sobre seu encontro com Sommer - seu maior competidor que estava determinado a tomar a empresa de Jaybee e era famosa por sua crueldade.

“Está tudo bem Jaybee, você pode relaxar agora. Uma boa aula; obrigada a todos”. Jaybee se apressou em direção ao seu carro. Ela estava se sentindo realmente inquieta sobre a sua reunião com Sommer. Ela bateu levemente no seu bolso e se confortou tendo certeza que seu talismã da sorte estava lá. “Toda mudança é difícil”. Suas sessões diárias de yoga sempre a faz lembrar das últimas palavras que seu pai a disse. Ela sentou na cama dele, segurando sua mão, se recusando a aceitar que ele não iria melhorar. Ele contou à ela a mesma história que ela não se cansava de escutar - sobre seu trabalho duro colocando os trilhos de trem no oeste da cidade. O flash brilhante de luz vermelha, algo dizendo para ele se afastar, seu supervisor gritando para ele voltar ao trabalho, seguidos por gritos quando o vagão do trem se chocou contra os trabalhadores.

“Eu quero que isso seja seu.” A brilhante pedra vermelha ainda estava quente das suas mãos. Assim que Jaybee a segurou, seu pai lhe disse - “você faz sua própria sorte, mas somente se você se afastar, faça mudanças difíceis. Siga seus sonhos, minha jóia preciosa.”

Então ela seguiu seus sonhos - bolsa de estudos, um doutorado em nanotecnologia e finalmente um investimento de capital de risco que a rendeu a “ExoEnergy”. Sua empresa era dedicada em usar pequenos robôs nanoids para explorar o sistema solar para soluções de energia retornável. E a última descoberta foi um elemento vermelho no Titan que a análise espectral mostrou foi idêntica à pedra de Jaybee! Nenhum elemento como este existe na terra. Hoje, uma exploração foi lançada para trazer de volta uma amostra.

“Aonde está Sommer?” Jaybee olhou ao redor do escritório vazio.

Sua assistente encolheu os ombros. “Ela estava aqui minutos atrás.”

A ansiedade de Jaybee estava ficando mais forte. “Ligue para o seu escritório.”

A assistente falou baixo no telefone. “Eles falaram que ela está de férias! O que você quer que eu faça?”

Jaybee com um gesto falou para ela desligar o telefone. “Cancele todas as minhas reuniões até um novo aviso - Eu mesma lidarei com isso.”

“Mas o próximo lançamento será em 30 minutos! Você não quer estar presente?

Jaybee acenou com desprezo. “A equipe pode lidar com isso. Você toma conta das coisas aqui.” Ela sentiu a urgente necessidade de acompanhar a exploração para o Titan, para localizar o elemento vermelho e levá-lo em segurança para o seu laboratório. Ela teria que transformar.

“Afaste-se; siga seus sonhos,” ela murmurou, segurando sua pedra vermelha.

Ela nunca conseguiu explicar como ela fez isso. Sua primeira transformação aconteceu na escola, não muito tempo depois que seu pai morreu. As crianças ricas adoravam implicar com a menina bolsista com seu uniforme de segunda mão e sua mochila velha. Mas um dia ela lembrou do seu pai. “Afaste-se,” ela falou para si mesma, segurando sua pedra vermelha como um conforto. O mundo desapareceu. Ela podia ouvir alguém gritando e pernas enormes com meias escuras passaram apressadas. Por um longo momento ela entrou em pânico; ela não tinha idéia de onde estava. “Afaste-se,” ela repetiu freneticamente. Seu estômago revirou e o mundo voltou. Seus atormentadores olhavam para ela, seus rostos estavam pálidos e assustados. “Quem é você?” um deles resmungou. Jaybee segurou sua pedra vermelha. “Meu verdadeiro nome é Jewella,” disse ela quietamente. “Conte para alguém sobre isso e verá o que eu farei para você!”

Ao longo dos próximos meses ela aprendeu que ela podia se transformar em qualquer coisa que estivesse perto - uma pedra, uma cadeira e até um carro. Ela tentou primeiro durante uma brincadeira de esconde-esconde, para provocar seus primos, depois algumas vezes quando ela não queria ser encontrada.

Mas a memória do seu pai a fez parar de usar seus poderes para motivos pessoais. Todo o seu sucesso tinha sido atingido pela sua inteligência e trabalho duro. Mas ela nao podia resistir a tentação de se juntar a eventuais explorações nanoid. Ela gostaria de poder contar para alguém como era olhar para a terra de um outro planeta.

“Afaste-se,” ela repetia até saber que ela tinha entrado na exploração sem ser detectada e estava pronta para entrar em um recipiente nanoid.

Suas viagens na forma de nanoid sempre teve uma qualidade etérea e ela perdia a noção do tempo. Apenas o choque do pouso trouxe ela de volta. Os instrumentos escanearam o local - sem sinal de interferência. Sem surpresas. Jaybee suspirou aliviada. Claro, a empresa de Sommer não tinha nada que pudesse competir com a tecnologia ExoEnergy.

Jaybee estava distraíada pela visão dos anéis de Saturno - uma visão familiar mas sempre inspiradora. Mas ela olhou cuidadosamente enquanto a pequena escavadora localizou uma amostra do elemento vermelho e o colocou dentro de um compartimento de exploração. Ela mentalmente cruzou os braços e se preparou a viagem de volta pra casa.

“Afaste-se.” Jaybee agachou atras do banco e ouviu brava a conversa entre Sommer e a assistente. “É um negócio fechado,” falou Sommer. “Nosso contrato com a NASA significa que nós temos acesso a todo os seus dados. Jaybee terá que falar com o pessoal da NASA se ela tiver algum problema com isso. Isso é, se você conseguir encontrá-la!” Sommer empurrou a assistente através da porta e trancou após entrar também.

Jaybee abriu um sorriu falso e se levantou. “Lembra de mim?” disse com uma voz autoritária. “Eu sou Jewella.” Ela raramente fazia isso, mas ela adorou ver a expressão assustada na cara da Sommer.

Por um breve instante, Sommer ficou boquiaberta com a figura alta no terno vermelho com pedras preciosas, com a máscara que escondia o rosto do super-herói. Então ela pulou em direção ao banco e pegou um pedaço vermelho que estava no recipiente de exploração. Jewella bateu a pedra vermelha no banco e raios brilhantes de luz disparou em todas as direções. As duas mulheres olharam com espanto para as pedras vermelhas furiosamente vibrando.

“Afaste-se.” Jewella puxou as pedras e agachou-se novamente para esconder sua retransformação. Ela sabia o perigo de estar ‘no personagem’ por muito tempo. Seus poderes foram enfraquecidos por dias.

Altos barulhos soaram, as portas do escritórios foram derrubadas e a polícia invadiu o local.

Sommer fugiu no meio da confusão e não pode ser encontrada. Jaybee pensou brevemente em perseguí-la mas ela agora estava muito ocupada com o seu time tentando entender como as pedras funcionam. 

Decifrar o código parecia levar para sempre mas finalmente um dos seus programadores mais novos, Emma, mostrou seus dados. Pequenas quantidades do elemento vermelho poderiam gerar energia suficiente para abastecer uma cidade. Sem emissões, sem impactos negativos. Energia limpa, finalmente - um sonho que se torna realidade.

“Então agora tudo o que temos que fazer é encontrar um jeito de conseguir grandes quantidades do Titan,” Jaybee comentou com Emma.

Emma sorriu enigmaticamente e brincou com sua pulseira de prata. “Posso ir com você na próxima vez?” perguntou. Ela riu da cara espantada de Jaybee. “Você não está sozinha,” disse. “Essa é uma irmandade. espere até você ver as fantasias das outras meninas!”